Rio em Foco

Procon Carioca dá 20 dias para empresa de criptomoedas prestar esclarecimentos sobre suspensão de contratos

A MSK Operações e Investimentos Ltda foi notificada ontem (01/02) pelo Procon Carioca a prestar esclarecimentos sobre alguns pontos fundamentais do serviço prestado pela empresa
Foto: Canva

A MSK Operações e Investimentos Ltda foi notificada ontem (01/02) pelo Procon Carioca a prestar esclarecimentos sobre alguns pontos fundamentais do serviço prestado pela empresa, que se apresenta como uma assessoria em criptoativos e garante aos seus clientes um rendimento de 2% a 5% ao mês.

Em dezembro (2021), a empresa declarou em seu site que encerrou o seu produto semestral de criptomoedas e acordou com os clientes a forma de devolução da quantia investida. Em seguida, em 29 de janeiro de 2022, divulgou um comunicado afirmando que os distratos realizados não serão honrados na data pactuada.

Por conta disso, o Procon Carioca notificou a empresa a esclarecer por qual motivo encerrou a prestação do serviço, quantos clientes foram afetados, por que não está cumprindo o distrato, que procedimentos estão sendo tomados para informar os consumidores, além de ter que apresentar o contrato de distrato.

“A situação sobre o distrato foi relatada por inúmeras pessoas, pela imprensa e em canais de reclamações. Cabe ao Procon Carioca acompanhar o caso, cobrar esclarecimentos e tomar medidas cabíveis”, alerta Igor Costa, diretor executivo do Instituto.

O Procon Carioca também disponibilizou um canal exclusivo de atendimento para os consumidores impactados não cumprimento do distrato. Os interessados devem encaminhar RG, CPF, comprovante de residência, cópia do contrato e do distrato com a MSK operações e investimentos, além do comprovante dos valores investidos para o e-mail reclame.proconcarioca@gmail.com .